Limpeza das ruas em 1910

Avaliação do Usuário
PiorMelhor 
Criado em Sábado, 10 Agosto 2013

 

 

 

A limpeza das ruas em 1910 1

 

O Beco do Fanha 2

 

É deveras lamentavel o estado de desasseio em que se encontram ruas e becos situados no centro da cidade. Nos do Fanha e do Poço, durante o dia, são arremessadas aos passeios cascas de bananas, laranjas e outras fructas, conjuntamente com o lixo. A par disto, os moradores desses becos fazem todos os despejos nas sargetas. Á rua Coronel Fernando Machado, onde existe o denominado beco da Formiga, a immundicie é tal, que os transeuntes são obrigados a levar o lenço ao nariz. Á Rua General Auto, proximo ao Palacio do Governo, existe um terreno desmurado, onde há annos se fazem despejos de toda a especie. A Doca e adjacencias, devido ás últimas chuvas, têm um aspecto repugnante: lama, cascas de fructas, carvão moído, etc., tornando-se intransitavel o trecho que vae do mictorio á beira do cáes. A rua Voluntarios da Patria, que ha tempo não soffre limpeza, acha-se transformada em extenso lodaçal. A rua Demetrio Ribeiro, trecho conhecido pela denominação de rua da Bahia existe um morro de onde escorrem, dia e noite, aguas servidas. Pedimos a atenção da Intendencia Municipal e da Directoria de Hygiene do Estado. (Foi preservada a grafia original)

FONTES:

Jornal Correio do Povo, de 29 de junho de 1910

2 O Beco do Fanha, atual Rua Caldas Júnior. - Imagem CP Memória

 

 

 

Thursday the 13th. Joomla Templates Free.